16 de maio de 2018 às 04:00

Detran-SP vai autorizar curso de reciclagem a motoristas com alta pontuação

Condutor que exercer atividade remunerada nas categorias C, D ou E e tiver de 14 a 19 pontos poderá fazer o curso e zerar CNH

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) anunciou que vai disponibilizar a partir desta quarta-feira (16\) cursos de reciclagem preventiva para motoristas profissionais que exercem atividade remunerada nas categorias C, D e E e estão com pontuação entre 14 a 19 pontos na CNH.

Previsto na resolução 723 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), que regulamentou o artigo 261 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), esse curso é opcional e só poderá ser feito pelo motorista que:

1. Tiver a inscrição "exerce atividade remunerada" na CNH;
2. For habilitado nas categorias C (veículos de carga, como caminhões), D (veículos de transporte de passageiros, como ônibus e vans) ou E (veículo conjugado, como carreta com reboque ou trailer);
3. Tenha atingido de 14 a 19 pontos.

É possível pedir para fazer esse curso apenas uma vez a cada 12 meses. Ele dá ao motorista profissional a oportunidade de "limpar" seu prontuário.

"Motorista profissional passa muitas horas ao volante. A reciclagem permite que ele reavalie sua conduta no trânsito. É uma chance de reaprender e repensar", explica Maxwell Vieira, diretor-presidente do Detran-SP.

+ Saiba tudo sobre o "Rota 2030"
+ Quer negociar hatches, sedãs e SUVs? Use a Tabela Fipe
+ Inscreva-se no canal de UOL Carros no Youtube
+ Instagram oficial de UOL Carros
+ Siga UOL Carros no Twitter

Para solicitar a reciclagem, o interessado deve ir até a uma unidade do Detran-SP. Caso os requisitos sejam preenchidos, ele receberá uma autorização a ser entregue a uma autoescola -- o curso, no entanto, deverá ser pago pelo aluno. Depois disso, o motorista terá 15 dias para iniciar o curso e, a partir daí, 40 dias para terminá-lo.

O curso é o mesmo já existente para infratores que têm a CNH suspensa. Ele tem aspecto educacional e visa levar o motorista a rever seus conhecimentos e mudar a postura no trânsito, analisando temas como legislação, direção defensiva, noções de primeiros socorros e relacionamento interpessoal.

Ao final, também será preciso fazer uma prova de 30 questões e acertar pelo menos 21 (70%) para ser aprovado.

Como estabelecido pelo CTB, todo motorista que atingir 20 ou mais pontos em 12 meses tem o direito de dirigir suspenso por no mínimo 6 meses e precisa passar pela reciclagem.

Fonte: UOL

comentários

| Rádio Guarujá AM 1550 kHz'); }
Estúdio Ao Vivo