13 de junho de 2018 às 17:04

Kesha acusa ex-empresário Dr. Luke de estuprar Katy Perry

Há pelo menos quatro anos em batalha judicial com o ex-empresário Lukasz Gottwald (mais conhecido como Dr. Luke), a cantora Kesha o acusou não só de assediá-la sexualmente como de estuprar a colega Katy Perry. 

Há pelo menos quatro anos em batalha judicial com o ex-empresário Lukasz Gottwald (mais conhecido como Dr. Luke), a cantora Kesha o acusou não só de assediá-la sexualmente como de estuprar a colega Katy Perry. 

Para os advogados de Dr. Luke, no entanto, a intérprete de "Tik-Tok" teria mentido e inventou essa história para forjar provas e reforçar suas próprias denúncias contra o produtor, cujo processo corre desde 2014 na Suprema Corte de Mahattan. 

O assunto começou quando Kesha denunciou o caso envolvendo Katy Perry em mensagem de texto à cantora Lady Gaga, em 2016. Essa conversa – que os advogados de defesa de Luke acreditam ter sido forjada – foi parar nos tribunais agora. 

Depois da última audiência, Katy e Gaga podem ser convidadas a depor. 

De acordo com a denúncia de Kesha, Dr. Luke teria drogado e estuprado a cantora mais de uma vez entre 2005 e 2008, quando atuava como seu empresário. Em resposta, ele a processou por difamação e pede uma indenização por danos morais. 

Fonte: UOL

comentários

| Rádio Guarujá AM 1550 kHz'); }
Estúdio Ao Vivo