16 de abril de 2018 às 17:04

Puma, o retorno

A Puma escolheu a cidade de Botucatu para instalar uma fábrica de automóveis para voltar a produção do esportivo no Brasil.

Luiz Carlos Gasparini Alves da Costa, presidente da Puma Automóveis, assinou um contrato para o uso de uma área no Parque Tecnológico da cidade e um protocolo de intenções para a implantação da linha de montagem e de um centro de desenvolvimento no município.

O investimento será de R$ 250 milhões (R$ 50 milhões na primeira etapa com 30 empregos), com o início das obras em janeiro de 2019, numa área de 3.000 m² e que chegará a 23.000 m² com todas as etapas concluídas.

Luiz Costa disse que o objetivo da empresa é criar em Botucatu um núcleo exportador de tecnologia.
A Puma foi a marca brasileira que produziu o maior número de automóveis esportivos: foram 25 mil unidades em 26 anos de história.

Fonte: UOL

comentários

| Rádio Guarujá AM 1550 kHz'); }
Estúdio Ao Vivo